18/09/2012

Passeio com couves

Em passeio pela horta, vejo que o que mais falta faz continua a não fazer promessas: a Chuva.

Ainda assim, os morangos regados com gota a gota (ligada à rede pública, 2 min de 2 em 2 dias), têm aguentado muito bem. 
Morangueiros "velhos" (com 2 anos de produção)

Morangueiros "novos" plantados este ano com a tela.


Tanto uns como outros são do tipo remontantes, ou seja têm várias florações desde o início da primavera (os que ficam de um ano para o outro) e prolongam-se ao longo todo o verão e inícios do outono, até chegar as primeiras geadas. Este ano vou querer experimentar uns de trepar, vamos ver como corre.
Como o plástico está bom, vamos deixar a plantação "velha" mais um ano, e fazer mais um quarteirão novo, mas isso é só lá para fevereiro.

Junto à plantação "velha" e junto a árvores de fruto (ameixoeiras e macieira) plantei as couves e empalhei com serrim, corcódoa de pinheiro e palha de trigo.



Primeiro foram plantadas 10, para experiência, e depois vieram mais 20.

A rega é de gota a gota por gravidade, isto é, está ligada a um depósito de 1000 L que vamos esporadicamente encher a um poço de familiares. O tubo tem vários furos e como está mais baixo que o depósito, vai correndo ao longo das couvitas.


O tubo utilizado também não é dos normais são aproveitamentos de materiais das obras, podendo utilizar-se qualquer tipo de mangueira.

A lagarta já começou  a fazer estragos, assim que dei conta, levou com uma calda de piri-piri e alho com sabão.

As contas para já tenho apenas a contar que a experiência de plantação de eucaliptos com o Biofertil está a dar bons resultados, por isso, vierem buscar 2 sacos e já corrigi as contas da mensagem anterior.

2 comentários:

  1. Parabéns pelo blog,mas essencialmente pela bela horta. Gostava apenas que esclarecesse que "calcário" utiliza, e se os dados da rega dos morangos estão correctos, 2 minutos de 2 em 2 dias?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!
      Tenho muito gosto em poder partilhar o que faço por aqui, quer para o bem quer para o mal...
      Nos morangueiros a rega está ligada à água da companhia, porque os tubos lá colocados são mesmo de rega gota-a-gota e os gotejadores entopem com a água que fica nos depósitos (cria lismos). Em termos de quantidade, se não chover é isso mesmo... Agora se chover ou se os dias forem mais frescos espaço mais nos dias. Por exemplo agora já não me lembro de os ter regado, com esta chuva, a tela que uso é permeável, mas não deixa a terra secar.
      Quanto ao calcário, vamos a uma pedreira aqui perto (60 km) e é mesmo tipo "brita" de calcário, e não "cal viva". Nas pedreiras é muito mais barato, +-25 euros/tonelada. Vendem-se também em lojas de materiais de construção e vem em sacos como o cimento (o preço por 2/3 sacos paga tanto como a tonelada).
      Espero ter respondido, volte sempre, que também vou espreitando, virtualmente, a sua horta! A horta do vizinho é sempre melhor que a minha!

      Eliminar